Gestão e Qualidade | 30 de novembro de 2018

Rede de Saúde Divina Providência assume a direção de hospital em Estrela

Imóvel e a gestão do Hospital Estrela são cedidos para as Irmãs da Divina Providência
Rede de Saúde Divina Providência assume a direção de hospital em Estrela

A Rede de Saúde Divina Providência (RSDP) e Associação Franciscana de Assistência à Saúde assinaram um Acordo Particular de Transferência da Atividade Hospitalar e Patrimônio do Hospital Estrela (HE). Após um período de transição, que se estende até janeiro, o HE oficialmente passa a fazer parte da Rede de Saúde Divina Providência, que também conta com os hospitais Divina Providência e Independência (ambos em Porto Alegre), São José (Arroio do Meio) e Santa Isabel (Progresso). Segundo o diretor de Propósito de Desenvolvimento da Rede, Mario Abílio Jaeger Neto, “este passo fortalece a estrutura de uma rede de saúde que se complementa do ponto de vista técnico e administrativo.”

Com 12 mil m² de área construída, o Hospital Estrela possui atualmente 412 funcionários e 81 médicos no Corpo Clínico, disponibilizando 119 leitos (74% SUS) para internações hospitalares e 17 leitos para observação ambulatorial. É um hospital geral, que atende a população do Vale do Taquari, realizando diversos procedimentos. A instituição foi fundada em 14 de abril de 1929, inicialmente com o nome de Casa de Saúde Estrelense.

Assinatura ocorreu dia 14

Assinatura ocorreu dia 14

xxx

A Ministra Provincial das Irmãs Franciscanas da Penitência e Caridade Cristã, Irmã Mônica de Azevedo destaca que: “Em diálogo com as Irmãs da Divina Providência e Sociedade Sulina da Divina Providência, buscamos  a continuidade desta obra, fundada por nossas Irmãs em 1929. Esta parceria – Irmãs Franciscanas e Irmãs Divina Providência – tem por finalidade garantir a continuidade da atividade hospitalar, voltada ao atendimento prioritário aos mais necessitados, e o desejo de salvaguardar a missão da Igreja Católica no cuidado da saúde. A nossa parceria não é movida pela lógica e pelos interesses do mercado, mas pelo compromisso com a vida e o cuidado humanizador pela vida. Neste espírito, a Associação Franciscana de Assistência à Saúde das Irmãs Franciscanas está transferindo, gratuitamente, o imóvel do Hospital Estrela para as Irmãs da Divina Providência (Província Mãe da Providência) e as atividades do Hospital para a Sociedade Sulina da Divina Providência.”

Estiveram presentes na cerimônia de assinatura a presidente da Sociedade Sulina, Irmã Clair Agnes, o diretor geral de Operações de Saúde da Rede Divina Providência, José Clovis Soares e representantes da Associação Franciscana de Assistência à Saúde.

Todos, perante a comunidade, consolidaram a união de duas instituições cristãs tradicionais “em prol da continuidade da assistência à saúde”, explica Jaeger.

VEJA TAMBÉM