Gestão e Qualidade, Mundo | 30 de maio de 2016

Cirurgia rara realizada no Hospital Moinhos com parceria do Johns Hopkins Hospital

Equipes se uniram para tratar criança portadora de um tumor na medula
Cirurgia rara realizada no Hospital Moinhos com parceria do Johns Hopkins Hospital

“Temos que agir. Vamos trabalhar com o especialista que tem o maior número de pacientes operados no mundo com esta doença e buscar uma solução conjunta”, disse o neurocirurgião Gustavo Isolan do Hospital Moinhos de Vento ao pais de um paciente de apenas quatro anos, portador de um tumor na medula. O diretor do Instituto de Ciências de Proteção do Cérebro do Johns Hopkins All Children’s Hospital, George Jallo, foi chamado para integrar a equipe do Serviço de Neurologia e Neurocirurgia do Hospital Moinhos de Vento.

O procedimento, que iniciou às 7h30 de segunda-feira, 23, durou quatro horas. O tumor estava localizado na medula espinhal, muito próximo ao tronco cerebral. Nesta região, milímetros fazem a diferença pela proximidade do centro respiratório e cardiovascular. Por isso, a cirurgia foi conduzida com o auxílio de um sistema auxiliar de monitorização neurofisiológica intra-operatória, o que permitiu que a cirurgia transcorresse sem provocar lesão ao tecido cerebral saudável. Este tipo de tumor, que se origina no interior da medula espinhal, pode levar à perda de força, paralisias e morte se não tratado a tempo. A cirurgia é o tratamento de escolha na maioria dos casos.

“A iniciativa reforça a importância da cooperação médica numa força-tarefa na busca da excelência assistencial. Não há mais fronteiras. Sempre há espaço para buscarmos o melhor ou, no mínimo, aquilo que faríamos para um parente próximo”, ressalta o neurocirurgião Gustavo Isolan. Até a data da cirurgia foram realizadas diversas reuniões por videoconferência entre a equipe do Hospital Moinhos de Vento e o grupo de trabalho de especialistas dos Estados Unidos.

“Realizo cirurgias em outros países, mas nunca me senti tão à vontade como aqui no Hospital Moinhos de Vento, junto à equipe que participou desse procedimento. Esse caso foi muito complicado, mas me senti muito confiante, a partir das videoconferências e da discussão do caso prévio com a equipe”, salientou George Jallo.

O Hospital Moinhos de Vento conta com equipamentos e tecnologia de ponta para o tratamento das mais complexas neurocirurgias, afirma a Chefe do Serviço de Neurologia e Neurocirurgia, Sheila Martins.

Para o pai da criança, Ricardo Dorneles Furtado, essa estratégia surge como uma alternativa para aqueles pacientes que necessitam de um atendimento diferenciado, onde o especialista do exterior vem ao encontro do paciente, dispensando a necessidade de viagens e a dificuldade com o idioma. “Inicialmente, chegamos a montar um plano para realizar o procedimento fora do País. Mas a possibilidade de trazer um médico de referência para realizar a cirurgia, usando a estrutura que já temos em Porto Alegre, poupando o deslocamento da nossa família aos EUA, chamou nossa atenção. O resultado? Toda uma família feliz”, comemora.

Em 2013, o Hospital Moinhos de Vento afiliou-se à Johns Hopkins Medicine International, braço internacional do Johns Hopkins Medicine. A relação possibilita assistência compartilhada aos pacientes e troca de experiências entre as equipes médicas, além de promover eventos, visitas e programas de aprimoramento.

O Johns Hopkins All Children’s Hospital está localizado em St. Petersburg, no estado da Flórida, Estados Unidos e combina um legado de cuidado com foco exclusivo em crianças desde 1926 com a inovação e experiência de um dos principais sistemas de saúde do mundo, Johns Hopkins Medicine. O Instituto de Ciências de Proteção do Cérebro do Johns Hopkins All Children’s Hospital é um centro dedicado ao tratamento de doenças e proteção da saúde do cérebro, da infância à idade adulta, proporcionando os melhores desfechos.

Também participaram da cirurgia os médicos Gustavo Gabellini (neurofisiologista), Gustavo Ayala de Sá (anestesista), João Ronaldo Mafalda Krauzer (pediatra), além de toda a equipe da UTI pediátrica do Hospital Moinhos de Vento.

George_Jallo

Diretor do Instituto de Ciências de Proteção do Cérebro do Johns Hopkins All Children’s Hospital, George Jallo

VEJA TAMBÉM

Mindray oferece treinamentos gratuitos de ventilação mecânica para hospitais no combate a Covid-19

Diante das novas configurações das equipes de saúde para enfrentar a alta demanda de casos de internação por Covid-19 em todo o território brasileiro, a Mindray, provedora de dispositivos e soluções médicas do mundo, passou a disponibilizar gratuitamente uma série de treinamentos hospitalares sobre ventilação mecânica para médicos, fisioterapeutas, enfermeiros e engenheiros clínicos. A capacitação
covid-19

Hospital Moinhos de Vento presta consultoria para retomada das atividades com segurança

Equipes da Consultoria do Hospital Moinhos de Vento estão avaliando rotinas e indicando adaptações necessárias para dar mais segurança e reduzir os riscos de infecção pelo novo coronavírus (Covid-19) no retorno das atividades de órgãos públicos, instituições e empresas. Para cada cliente, é feito um diagnóstico de acordo com o seu ramo de atuação e público,

PUCRS e Rede Divina Providência firmam convênio de cooperação acadêmica

 xx Em convênio assinado na segunda-feira (25), a PUCRS soma forças ao conceito de maternidade humanizada, segura e resolutiva presente no DNA de atuação das irmãs da Rede de Saúde Divina Providência. A finalidade do convênio firmado entre as instituições católicas é estabelecer e regulamentar um programa de cooperação acadêmica nas áreas de atuação e interesse comuns, iniciando pelo campo de prática