Hospital Independência realiza captação de córneas para transplantes

3 de novembro de 2021
Em 2021, o Hospital Independência (HI), integrante da Rede de Saúde Divina Providência, passou a realizar a captação de córneas. A iniciativa é da Comissão Intra-Hospitalar de Doação de Órgãos e Tecidos para Transplante (CIHDOTT). A instituição já realiza a doação de múltiplos órgãos, mas questões como a desinformação, impedem que o número de doações […]

Treinamento gratuito para reanimação cardiopulmonar reúne centenas de pessoas

24 de outubro de 2021
Estima-se que, anualmente, 17 milhões de pessoas morrem em decorrência de paradas cardíacas em todo o mundo. No Brasil, são aproximadamente 360 mil por ano, ou 800 por dia — representando uma vítima a cada 90 segundos. Orientar e preparar a população para atuar numa situação como essa é essencial para salvar vidas e minimizar […]

Hospital Divina Providência faz primeiro implante de cardiodesfibrilador monitorado por celular no RS

30 de setembro de 2021
O primeiro implante de cardiodesfibrilador com monitoramento por celular do Rio Grande do Sul ocorreu no Hospital Divina Providência em setembro, Mês do Coração. Os cardiodesfibriladores implantáveis são um tipo especial de marcapasso  que pode interromper uma parada cardíaca através de um pequeno choque interno no coração. Esses dispositivos são uma alternativa de tratamento para prevenir […]

Pulmão artificial fornece suporte a pacientes em estado crítico com Covid-19 no Hospital de Clínicas de Porto Alegre

10 de agosto de 2020
Um suporte pulmonar que pode salvar a vida de pacientes com Covid-19 em estado gravíssimo, decorrente da síndrome da angústia respiratória aguda (SARA), já salvou a vida de dois pacientes no Hospital de Clínicas de Porto Alegre (HCPA), umas das instituições de referência no tratamento da doença no Rio Grande do Sul. Trata-se da ECMO (extracorporeal membrane […]

SAMU de Paris inova no atendimento a vítimas de ataque cardíaco

16 de junho de 2017
Imagine a situação: durante o atendimento de uma pessoa vítima de parada cardíaca no meio da rua, os bombeiros (em Paris) ou o serviço de ambulância normalmente chegam com desfibrilação, massagem cardíaca e injeção de adrenalina. Se, no entanto, o coração não voltar em trinta minutos após o ataque, os socorristas do SAMU de Paris […]