Gestão e Qualidade | 14 de agosto de 2021

Transul Emergências Médicas registra recorde de atendimentos e investe em expansão

Pandemia impulsionou um acréscimo de 150% nas solicitações de chamadas de emergências médicas na comparação com o ano passado
Transul Emergências Médicas registra recorde de atendimentos e investe em expansão

Em quase 50 anos de história, a Transul Emergências Médicas fecha os primeiros meses de 2021 com recorde de atendimentos e remoções intermunicipais e dentro das regiões de atendimento. O aumento no número de pessoas contaminadas pelo coronavírus resultou em acréscimo de 150% nas solicitações de chamadas neste período na comparação com o ano anterior. Além das remoções hospitalares, áreas protegidas, cobertura de eventos e rodovias, a Transul atende famílias em casa com planos domiciliares nas cidades de Porto Alegre, Serra Gaúcha e Balneário Camburiú.

Segundo a empresa, no início de março foi necessário ampliar a quantidade de veículos com estrutura de Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para operação dentro de Porto Alegre. Em fevereiro eram quatro e agora são dez que realizam atendimentos simultaneamente. Outras duas unidades avançadas estão 24h na cidade de Canoas, onde protege escolas, academias, shoppings e outros estabelecimentos comerciais. A empresa também posicionou uma unidade básica no Hospital de Viamão para auxiliar as áreas protegidas. As remoções intermunicipais se intensificaram principalmente nos municípios de São Leopoldo, Esteio e Novo Hamburgo.

Conforme o responsável técnico de enfermagem, Cristiano Martins, os 110 profissionais locais das equipes administrativa e assistencial trabalharam muito a questão do acolhimento aos pacientes com diagnóstico e suspeita de Covid, bem como, os seus familiares. “O nosso trabalho desde o primeiro contato é analisar a pessoa de forma integral o que inclui o seu contexto familiar. É uma situação com alto grau de ansiedade e medo. O nosso papel é oferecer um serviço de excelência técnica sem esquecer do acolhimento.”

Atualmente, 90% da demanda é Covid. Nos meses anteriores era 40%, explica Cristiano. Outro fator que mudou foi o tempo que a equipe administrativa leva para conseguir um leito. Com isso, foi necessário também criar estratégias de apoio para quem fica na retaguarda do trabalho.



VEJA TAMBÉM

Hospitais Tacchini e Sírio-Libanês iniciam parceria em residências médica e multiprofissional

Os hospitais Tacchini, de Bento Gonçalves (RS), e Sírio-Libanês, de São Paulo (SP), iniciam em novembro a parceria na formação dos 40 preceptores que vão comandar as residência médica e multiprofissional da instituição gaúcha. O primeiro dos cinco encontros programados será presencial e ocorrerá entre os dias 25 e 27 de novembro, no Campus Universitário da
PROADI-SUS

Hospital Moinhos promove ação para diagnóstico de sífilis neste final de semana

Com o propósito de identificar os principais fatores associados ao aumento de casos da sífilis, o Hospital Moinhos de Vento realiza nova ação do Projeto SIM, nos dias 27 e 28 de novembro, na Usina do Gasômetro, em Porto Alegre (RS). A unidade móvel onde serão realizados exames gratuitos para o diagnóstico de sífilis, HIV
cuidado integral

Atletas virtuais do bem: Dasa lança campanha gamificada no Novembro Azul

A gamificação vem se popularizando nas empresas. O setor de Recursos Humanos registrou, em 2020, a maior taxa de crescimento no mercado de gamificação, com aumento de 27,8% (Prescient & Strategic Intelligence, 2020). A Dasa vem utilizando essa estratégia para incentivar, de forma divertida e dinâmica, seus colaboradores quanto ao autocuidado e o cuidado com o próximo. Como parte do programa Dasa Cuida, o Desafio +30 foi lançado para conscientizar os colaboradores sobre a prevenção ao câncer de próstata. Na ação, que