Gestão e Qualidade | 29 de junho de 2019

Soluções pioneiras de sustentabilidade são destaque no I Summit Ambiental do Hospital Moinhos

Cases de sucesso foram apresentados
Soluções pioneiras de sustentabilidade são destaque no I Summit Ambiental do Hospital Moinhos

Com o intuito de estimular o debate sobre a sustentabilidade e compartilhar visões e soluções inovadoras para os desafios da gestão ambiental nas empresas, o Hospital Moinhos de Vento realizou, na quarta-feira (27), a primeira edição do Summit Ambiental, com o tema “Nossa natureza é cuidar de vidas”.  O evento marcou o encerramento das atividades do mês do meio ambiente na instituição.

Para Evandro Moraes, Superintendente Administrativo e idealizador da iniciativa, a adesão dos públicos interno e externo consolidou o evento no calendário da instituição como um importante espaço de diálogo sobre a gestão dos impactos ambientais e a conexão da inovação com a natureza. “Superamos as expectativas ao conseguirmos, ao mesmo tempo, divulgar todas as ações pioneiras que desenvolvemos aqui no hospital e ainda agregar outras visões vindas das universidades, do Ministério Público, da indústria, enfim, provocar essa discussão que envolve todos os segmentos da sociedade”, destacou.

O CEO do Moinhos de Vento, Mohamed Parrini, lembrou que a relação de respeito do hospital com o meio ambiente vem desde a sua fundação e segue como prioridade no planejamento estratégico e na pauta decisória da gestão, como legado para as futuras gerações.

Há 91 anos a instituição mantém um bosque com mais de 3 mil m² de área verde preservada, abrigando uma flora de plantas exóticas e nativas e fauna diversa com 18 espécies de aves. “E mesmo com a necessidade de expansão da área física, mantivemos o compromisso com a manutenção dessa área tão especial e ampliamos nossas ações para reduzir ao máximo os impactos ambientais da nossa atuação”, reforçou Parrini.

Central de Transformação de Resíduos

O desafio de pensar a gestão ambiental em um hospital que gera mensalmente mais de 200 toneladas de resíduos e o atual posicionamento foi detalhado na sequência pelo gestor ambiental, Rogério Almeida, com destaque para o pioneirismo do Hospital Moinhos de Vento no mercado hospitalar brasileiro com a criação da Central de Transformação de Resíduos. Desde a construção da unidade, em 2017, o Moinhos trata internamente todos os seus resíduos infectantes, deixando de enviá-los para aterros sanitários.

Rogério Almeida, John Wurdig, Annelise Monteiro Steigleder e Evandro Moraes

Rogério Almeida, John Wurdig, Annelise Monteiro Steigleder e Evandro Moraes

xxx

Selo verde de geração de energia limpa

“Além disso, como consumidor de energia elétrica em grande escala, também firmamos contrato com a terceira maior geradora de energia eólica do mundo. E garantimos o selo verde de geração de energia limpa pelo uso de fontes energéticas alternativas”, complementou Almeida, citando ainda que o hospital pretende implantar em breve seu projeto de gaseificação de resíduos sólidos.

Projeto EcoEducadores

A ótica da Academia sobre a importância de uma nova proposta de educação ambiental foi trazida pelo professor universitário John Wurdig. Para ele, a transformação do relacionamento da sociedade com o meio ambiente só virá do amor das pessoas pelo próximo, pelo seu entorno e por suas cidades. Junto com o menino Yuri Silva dos Santos, de 14 anos, Wurdig apresentou os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sutentável – metas globais conhecidas como ODS. Yuri é um dos integrantes do projeto EcoEducadores, desenvolvido pelo professor na Unirriter com crianças e adolescentes da Vila Cruzeiro.

Ministério Público

Convidada a palestrar sobre a Proteção Ambiental pela ótica do Ministério Público, a Dra. Annelise Monteiro Steigleder trouxe informações sobre o papel da instituição, tanto na responsabilização civil e criminal por danos ao meio ambiente quanto no fomento de políticas públicas e fiscalização das leis.

A programação também apresentou alguns cases de sucesso na indústria e na mobilidade urbana, e de startups voltadas para soluções ambientais. Bicicletas feitas de material reciclado foram sorteadas entre os participantes como incentivo ao uso de transportes não poluentes e ao engajamento no grupo de ciclismo do Hospital Moinhos de Vento, que realiza seu 1°passeio ciclístico previsto no próximo dia 29.

Compromissos sustentáveis

Marcando o encerramento do I Summit Ambiental, o Superintendente Administrativo do Hospital Moinhos Hospital Moinhos de Vento, Evandro Moraes, assinou termo de compromisso oficializando as metas sustentáveis da instituição até o final de 2020.

No documento, o Moinhos se compromete com:

A redução do uso de copos plásticos de 200 ml em até 50%;

A instalação de 1500 placas fotovoltaicas de captação de energia solar para reduzir em até 20% do uso de energia não renovável;

A criação do SELO DE QUALIDADE SUSTENTÁVEL HOSPITAL MOINHOS DE VENTO para produtos e serviços de fornecedores e parceiros, visando a qualidade e sustentabilidade.

 

Com informações Hospital Moinhos de Vento. Edição Setor Saúde. Crédito das fotos: Leonardo Lenskij/Hospital Moinhos de Vento

VEJA TAMBÉM

Mindray oferece treinamentos gratuitos de ventilação mecânica para hospitais no combate a Covid-19

Diante das novas configurações das equipes de saúde para enfrentar a alta demanda de casos de internação por Covid-19 em todo o território brasileiro, a Mindray, provedora de dispositivos e soluções médicas do mundo, passou a disponibilizar gratuitamente uma série de treinamentos hospitalares sobre ventilação mecânica para médicos, fisioterapeutas, enfermeiros e engenheiros clínicos. A capacitação
covid-19

Hospital Moinhos de Vento presta consultoria para retomada das atividades com segurança

Equipes da Consultoria do Hospital Moinhos de Vento estão avaliando rotinas e indicando adaptações necessárias para dar mais segurança e reduzir os riscos de infecção pelo novo coronavírus (Covid-19) no retorno das atividades de órgãos públicos, instituições e empresas. Para cada cliente, é feito um diagnóstico de acordo com o seu ramo de atuação e público,

PUCRS e Rede Divina Providência firmam convênio de cooperação acadêmica

 xx Em convênio assinado na segunda-feira (25), a PUCRS soma forças ao conceito de maternidade humanizada, segura e resolutiva presente no DNA de atuação das irmãs da Rede de Saúde Divina Providência. A finalidade do convênio firmado entre as instituições católicas é estabelecer e regulamentar um programa de cooperação acadêmica nas áreas de atuação e interesse comuns, iniciando pelo campo de prática