Gestão e Qualidade | 22 de junho de 2018

Seminários de Gestão encerra com cases sobre a metodologia Qmentum e acreditação em hospital de pequeno porte

Médico Sérgio Ruffini, diretor do IAHCS Acreditação, mediou o debate final
Seminários de Gestão encerra com cases sobre a metodologia Qmentum e acreditação em hospital de pequeno porte2jpg

Dois cases, sobre a ferramenta Qmmentum e sobre o Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi, de Veranópolis, fecharam a 7ª edição do evento Seminários de Gestão. O evento foi promovido pela Federação dos Hospitais e Estabelecimentos de Saúde do RS (FEHOSUL), Sindicato dos Hospitais e Clínicas de Porto Alegre (SINDIHOSPA) e Associação dos Hospitais do Rio Grande do Sul (AHRGS), e ocorreu no Hotel Continental, em Porto alegre, na sexta-feira (15). As apresentações foram realizadas pelo diretor técnico da IQG – Health Services Accreditation, Bruno Farras, e pela gestora de Qualidade do Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi, Cristiane Antoniolli.

Esta edição do Seminários de Gestão (a terceira de 2018) teve como tema “Qualidade e Certificação em Saúde”. Mais uma vez sucesso de público, o evento contou com auditório lotado. Esta terceira edição de 2018 teve como patrocinadores o Banrisul e a Pixeon. O portal Setor Saúde é o veículo de comunicação oficial do evento e a Fasaúde a instituição de Ensino Superior responsável pela emissão dos certificados do evento. A atividade contou ainda com apoio do IAHCS Acreditação e do IQG.

Bruno Farras

O diretor técnico da IQG – Health Services Accreditation, Bruno Cavalcanti Farras, apresentou o sistema de acreditação canadense Qmentum. O diretor técnico traçou um breve histórico do sistema de acreditação internacional, destacando que o nome é a união de dois termos: Quality e Momentum. Essa fusão ocorre “porque foi entendida que dentro de uma organização existem momentos da qualidade”, destacou. “É necessário que exista um equilíbrio da instituição”, completou.

74445147-c4b1-4df8-84e4-8c2e29241bf0

Bruno Farras, diretor técnico da IQG

 

O Qmentum está inserido, desde fevereiro de 2017, na Health Care Organization, organização sem fins lucrativos que é uma inovadora aliança global para desenvolvimento e implementação de padrões de excelência em saúde. A HSO (Health Standards Organization)antiga Accreditation Canada cresce no Brasil segundo Bruno Farras.

“No Brasil, o Qmentum já está presente em todas as regiões. Atualmente, há 137 instituições com o sistema, sendo 93 acreditadas e 44 em processo de acreditação”, pontuou.

a7f736ac-4fcc-410c-942c-345cbfc959ad

Bruno Farras, diretor técnico da IQG

 

“Um dos eixos principais desta metodologia é o entendimento da avaliação e reestruturação destes processos. Sempre para tornar a avaliação mais consistente, devemos compreender os processos de trabalho e o impacto que exige no sistema”, salientou o palestrante. De acordo com Bruno, é quase impossível que se trace comparações entre instituições de regiões tão diferentes. “É fundamental entendermos como aquela instituição trabalha, onde está inserida e qual o impacto naquela região atendida”, frisou.

A metodologia é baseada nos seguintes itens de prioridade: governança clínica; gestão do conhecimento; time de trabalho; transformação do modelo assistencial; dimensões da Qualidade (cuidado centrado no paciente); e práticas organizacionais obrigatórias (ROPs, na sigla em inglês). O palestrante ressaltou que governança clínica pressupõe a reinvenção da “gestão de serviços de saúde”. Farras destacou que “sem o envolvimento da alta gestão, fica muito difícil que os padrões de qualidade sejam passados para a média gestão e depois chegue à ponta, na parte assistencial e, no principal interessado, que é o paciente”.

5976690b-cd91-46df-b07e-756aebe7e682

Bruno Farras, diretor técnico da IQG

 

O diretor técnico disse que há necessidade de reinvenção no serviço de gestão de serviços de saúde. “Fica perigoso, em pleno século 21, termos gestores com mentalidade de processos beirando os séculos 19 ou 20. É necessário ter o envolvimento da alta gestão, tanto nos processo, quanto nos times e na parte assistencial”, enfatizou.

Farras também destacou que qualidade e negócios são termos que comumente são colocados como antagônicos, mas que a metodologia Qmentum “busca sustentabilidade, alinhando negócio e qualidade. É possível andarem juntos”, frisou. Farras acrescentou que o processo de acreditação não se limita a certificar ou não uma instituição. “Os processos sempre devem ser reestruturados. O perfil de uma instituição vai se modificando com o tempo. É sempre necessário um olhar de reestruturação”, frisou.

41593e06-4327-47f6-9417-66ddc2b6e817

Claudio Allgayer, presidente ONA e Bruno Farras, diretor técnico da IQG

 

O palestrante explicou que o acompanhamento das instituições após a acreditação prevê visita presencial entre 6 e 8 meses, em que são realizadas entrevistas com times onde foi verificado oportunidades de melhoria; visita presencial nos processos apontados com oportunidades de melhoria; e entrevista com o time da liderança e o corpo médico para entendimento das diretrizes de segurança do paciente. Farras destacou que os relatórios devem ser sempre vistos como oportunidade de implementar melhorias e trazer crescimento das organizações de saúde certificadas.

Cristiane Antoniolli

A gestora de Qualidade do Hospital Comunitário São Peregrino Lazziozi, Cristiane Antoniolli, apresentou o impacto assistencial da acreditação no hospital de pequeno porte, processo que foi implementado há 4 anos na instituição de Veranópolis. O São Peregrino é um hospital filantrópico, fundado em 2000, e possui 63 leitos, com 142 profissionais, sendo 55 profissionais no corpo clínico. É uma instituição de referência para quatro municípios: Fagundes Varela, Cotiporã, Vila Flores e Nova Bassano.

b179c407-e8b6-4b68-8873-481f1f5de997

Cristiane Antoniolli, gestora do Hospital São Peregrino Lazziozi

 

A palestrante explicou que, em 2014, foi entendida a necessidade da rede de Hospitais da Serra Gaúcha (Hospiserra) se qualificarem por meio da acreditação. De acordo com Antoniolli, desde o início toda a equipe da instituição foi comunicada e assumiu a responsabilidade de se qualificar e acompanhar o processo de acreditação.

31d61a61-e075-4e0d-a214-2a60303b511f

Cristiane Antoniolli, gestora do Hospital São Peregrino Lazziozi

 

Antoniolli salientou que foram realizados 10 encontros mensais, onde foi apresentado o Manual da ONA para os profissionais. Em dezembro de 2015, a instituição de Veranópolis buscou o diagnóstico organizacional do IAHCS. “Eles nos deixaram um relatório com não conformidades. Baixamos a cabeça e trabalhamos muito em cima deste relatório. Deu certo: em setembro de 2016, conseguimos alcançar o nível 1 da acreditação ONA”, contou a gestora de Qualidade. Após conquistar a acreditação, já ocorreram duas visitas de avaliação de manutenção ordinária: em maio de 2017 e janeiro de 2018.

A gestora de Qualidade ressaltou que vários processos de desenvolvimento foram aprimorados, de 2014 até os dias atuais, como: planejamento estratégico; gestão de documentos; gestão dos Grupos de Ação; auditorias (3 ciclos anuais); sistemas de notificações de eventos adversos e quebra de contratos internos; Mapeamento de Processos / Gerenciamento de Riscos  (Contratos Entre Áreas); adaptação ao Manual ONA versão 2018;  plano de gerenciamento de Tecnologias em Saúde; entre outros.

“O maior impacto assistencial na nossa instituição foi, com certeza, a segurança do paciente”, frisou Antoniolli. De acordo com a gestora de Qualidade, os principais processos interligados diretamente ao impacto assistencial, que influenciam na segurança do paciente, foram: a implantação do Núcleo de Segurança do Paciente, protocolos assistenciais, rastreabilidade de materiais e medicamentos, Sistematização da Assistência de Enfermagem (SAE), e certificação digital. “O desafio é o que nos move”, finalizou Antoniolli.

Debate

Com mediação do Dr. Sérgio Ruffini – coordenador do projeto QUALIS-RS (incentivo à conquista da acreditação no RS), avaliador sênior e diretor do IAHCS Acreditação -,foi realizado um debate com os três últimos palestrantes do Seminários (Dr. Péricles Góes, Bruno Farras e Cristine Antoniolli). Com perguntas do público presente, foram debatidos temas como: os benefícios do novo Manual ONA 2018 para os avaliados, faturamento, gestão de acessos, desafios de mudanças em busca de novas práticas, o desenvolvimento de implementar competências internas num hospital de pequeno porte.

bfabedf7-90a9-442d-9300-aae02a0dac14 (3)

Claudio Allgayer, presidente ONA, Sérgio Ruffini, diretor do IAHCS Acreditação, Cristiane Antoniolli, gestora do Hospital São Peregrino Lazziozi, Péricles Góes, superintendente técnico ONA e Bruno Farras, diretor técnico da IQG

 

Próximo Seminários de Gestão ocorre em agosto 

O tema do próximo encontro do Seminários de Gestão já está definido: Performance, Resultados e Valor em Saúde. “No dia 3 de agosto nos encontraremos novamente para interligar temas inovadores e as tendências que impactarão ou influenciarão as decisões em nossas organizações. Esperamos contar novamente com a adesão das instituições e de seus profissionais. Em breve vamos detalhar o programa completo e as lideranças que contribuirão com suas ideias e soluções. Muito obrigado pela presença de todos” encerrou o presidente da FEHOSUL, Cláudio Allgayer, ao final do evento.

 

 

VEJA TAMBÉM

Verde, amarelo e vermelho: hospital rotula alimentos e aumenta venda de produtos saudáveis

Um recente estudo divulgado no JAMA Network Open (produzido pela Associação Médica Americana), realizado por pesquisadores do Massachusetts General Hospital (MGH), localizado em Boston (EUA), mostrou que inserir rótulos nos produtos alimentares em um refeitório hospitalar pode auxiliar na educação alimentar dos funcionários. Os resultados demonstraram a redução de “calorias compradas” pelos colaboradores e o aumento da venda
MERCADO

Centro Clínico Gaúcho contrata dois novos executivos

A operadora de planos de saúde Centro Clínico Gaúcho (CCG) anunciou a contratação de dois novos executivos. Mauro Medeiros Borges assume a diretoria executiva de operações, e Fábio Bernal Rossetto, a diretoria executiva financeira. Borges é médico e tem experiência em gestão no mercado hospitalar e de planos de saúde. Rossetto é economista com pós-graduação e experiência em gestão empresarial,
SEMINÁRIOS DE GESTÃO

Inovação, Novas Tecnologias e Gestão Disruptiva em Saúde com inscrições abertas

As inscrições para a terceira edição do Seminários de Gestão com o tema Inovação, Novas Tecnologias e Gestão Disruptiva em Saúde, já estão abertas. O evento ocorrerá no dia 2 de agosto, no Hotel Plaza São Rafael (Av. Alberto Bins, 514 – Centro Histórico, Porto Alegre). As inscrições podem ser realizadas através deste link (inscrições realizadas até o dia 24/07, possuem desconto). Para a inscrição