Estatísticas e Análises, Gestão e Qualidade | 21 de junho de 2017

ANS: Ferramenta online mostra quantidade e os valores cobrados de consultas, exames e cirurgias

Acesse a nova versão do D-TISS
Ferramenta online mostra quantidade e os valores cobrados de consultas, exames e cirurgias na Saúde Suplementar

A ANS (Agência  apresentou no dia 21 uma importante atualização da ferramenta D-TISS (Detalhamento da Troca de Informações de Saúde Suplementar), lançada no final de 2015. As novidades desta versão permitem, por exemplo, gerar pesquisas sobre a quantidade de determinados procedimentos realizados por beneficiários de planos de saúde e os valores médios cobrados por essas consultas, exames e cirurgias.

Segundo informações do site da ANS, “a ferramenta reúne informações de grande importância para a melhor compreensão do sistema de saúde, permitindo acesso aos dados de frequência de eventos em saúde e suas despesas, por variáveis demográficas e por unidade federativa”.

Os procedimentos podem ser consultados tanto pelo código TUSS (Terminologia Unificada da Saúde Suplementar) quanto pelo nome, aplicando‐se filtros por unidade da federação (UF), faixa etária, sexo, porte da operadora e competência (período da pesquisa). A visualização dos dados se dá por meio de gráficos e mapas e os arquivos com a base de dados estão disponibilizados para download, por tipo de atendimento – hospitalar ou ambulatorial – e por unidade da federação (UF), mantido o sigilo da identificação dos prestadores, operadoras e beneficiários.

D-TISS 

Por meio de um mecanismo amigável de busca por palavra-chave, o usuário do sistema identifica o procedimento; em seguida, tem acesso à quantidade realizada e ao número de prestadores que realizaram aquele procedimento. Essas informações poderão ser filtradas por Unidade da Federação (UF), sexo, faixa etária, porte da operadora e/ou competência. Há ainda a possibilidade de obtenção de dados na forma de mapa, no qual é possível identificar frequências por UF e por prestador.

Em relação à visão financeira, o D-TISS possibilita o acesso aos valores da despesa média dos procedimentos e sua dispersão, com a apresentação dos dados selecionados em gráfico box-plot. Os filtros por UF, faixa etária, sexo, porte da operadora e competência também poderão ser utilizados.

Há, ainda, a apresentação de informações de indicadores internacionais (OCDE) relacionados aos procedimentos, quando disponíveis. Desse modo, busca-se integrar os dados de utilização dos serviços de saúde com informações técnico-científicas que apoiem a tomada de decisão de todos os agentes, propiciando uma visão integrada dos eventos inseridos no setor de saúde suplementar e os conhecimentos científicos na área de saúde.

O Padrão TISS 

O objetivo da TISS é padronizar as ações administrativas e subsidiar as ações de avaliação e acompanhamento econômico-financeiro e assistencial das operadoras de planos privados de assistência à saúde. As informações sobre as trocas eletrônicas de dados de atenção à saúde dos beneficiários de planos são enviadas mensalmente pelas operadoras de planos privados desde setembro de 2014. A partir delas, a ANS dispõe de um banco de dados significativo referente a toda produção assistencial da saúde suplementar.

A ANS destaca que “a exploração e a tabulação desses dados possibilitam a geração de uma gama de informações que, ao serem disponibilizadas para a sociedade, garantem transparência e contribuem para a qualidade e para a concorrência setorial”.

Clique aqui para acessar a página com a nova versão do D-TISS.

Acesse diretamente o painel de procedimentos.

Confira o tutorial.

VEJA TAMBÉM

Verde, amarelo e vermelho: hospital rotula alimentos e aumenta venda de produtos saudáveis

Um recente estudo divulgado no JAMA Network Open (produzido pela Associação Médica Americana), realizado por pesquisadores do Massachusetts General Hospital (MGH), localizado em Boston (EUA), mostrou que inserir rótulos nos produtos alimentares em um refeitório hospitalar pode auxiliar na educação alimentar dos funcionários. Os resultados demonstraram a redução de “calorias compradas” pelos colaboradores e o aumento da venda
MERCADO

Centro Clínico Gaúcho contrata dois novos executivos

A operadora de planos de saúde Centro Clínico Gaúcho (CCG) anunciou a contratação de dois novos executivos. Mauro Medeiros Borges assume a diretoria executiva de operações, e Fábio Bernal Rossetto, a diretoria executiva financeira. Borges é médico e tem experiência em gestão no mercado hospitalar e de planos de saúde. Rossetto é economista com pós-graduação e experiência em gestão empresarial,
SEMINÁRIOS DE GESTÃO

Inovação, Novas Tecnologias e Gestão Disruptiva em Saúde com inscrições abertas

As inscrições para a terceira edição do Seminários de Gestão com o tema Inovação, Novas Tecnologias e Gestão Disruptiva em Saúde, já estão abertas. O evento ocorrerá no dia 2 de agosto, no Hotel Plaza São Rafael (Av. Alberto Bins, 514 – Centro Histórico, Porto Alegre). As inscrições podem ser realizadas através deste link (inscrições realizadas até o dia 24/07, possuem desconto). Para a inscrição