Gestão e Qualidade, Tecnologia e Inovação | 2 de julho de 2015

Evento marca lançamento do novo Centro de Terapia Hematológica do Hospital Moinhos de Vento

Jornada de Hematologia ocorre dia 4 de julho
Novidades no diagnóstico do câncer de mama serão apresentados por médicos dos EUA e Argentina no Hospital Moinhos

O Hospital Moinhos de Vento abre as portas, no dia 4 de julho, do novo Centro de Terapia Hematológica, especializado no atendimento humanizado e global de paciente com diagnóstico de doenças oncohematológicas como leucemia, linfoma e mieloma múltiplo. Para marcar a abertura da unidade, pioneira na rede privada da região Sul do país, a instituição promove a I Jornada de Hematologia.

O Centro de Terapia Hematológica dispõe de 20 leitos para o atendimento altamente especializado, incluindo transplante de medula óssea. A unidade é credenciada junto ao Ministério da Saúde para realizar dois tipos de transplantes de medula óssea: autólogo (o doador de células é o próprio paciente) e alogênico aparentado (o doador é familiar do paciente).

A médica responsável pela nova unidade, Claudia Caceres Astigarraga, destaca que o objetivo é oferecer ao paciente uma equipe de especialistas multiprofissionais organizada para fazer o atendimento completo. “Nossos profissionais são treinados continuamente para atender todos os tipos de pacientes, formando uma equipe totalmente diferenciada. Além disso, os pacientes e familiares tem a oportunidade de participar de grupos de apoio com a orientação da Psicologia. O suporte é realizado antes, durante e após o tratamento,” destaca.

Os pacientes são encaminhados a partir dos consultórios médicos privados do Rio Grande do Sul, de outros Estados e dos ambulatórios de oncologia do Moinhos de Vento, da emergência ou do domicílio quando internações de repetição, frequentes em tratamento quimioterápico.

A Jornada de Hematologia do Hospital Moinhos de Vento, além de marcar o lançamento da nova unidade de Transplante de Medula Óssea do HMV, abordará a revisão dos principais avanços no tratamento das neoplasias hematológicas. Durante a programação serão realizadas palestras e discussões sobre os diferentes tipos das doenças, avaliação de artigos científicos, novos tratamentos entre outros.

Entre os palestrantes estão o chefe da Hematologia Clínica do Centro Oncológico Antônio Ermírio de Moraes e do Hospital Beneficência Portuguesa, Phillip Scheinberg, o coordenador da Unidade de Transplante de Medula Óssea do Hospital Santa Lúcia e Líder de Ações em Hematologia da Coordenadoria do Câncer do Distrito Federal, Jorge Vaz Pinto Neto, e o médico hematologista do Centro de Hematologia e Oncologia da Bahia, Edvan Crusoe.

VEJA TAMBÉM

Virginia Mason se reinventa com uso da telemedicina alinhado à sua cultura baseada em valor

Antes da pandemia da Covid-19, pacientes dos Estados Unidos costumavam viajar longas distâncias para realizar procedimentos cirúrgicos complexos nos hospitais considerados Centros de Excelência (COE, na sigla em inglês), que atendem sob critérios rigorosos de segurança e qualidade. Basicamente é um movimento comum que consiste em buscar centros especializados com atendimento considerado excepcional e de
covid-19

Santa Casa de Porto Alegre lança serviços especializados em Covid-19 para empresas

A Santa Casa de Misericórdia de Porto Alegre lançou um pacote de serviços relacionados à Covid-19 direcionados a pequenas, médias e grandes empresas, que envolvem testes diagnósticos, orientações e consultas virtuais. Segundo a Santa Casa, a proposta de levar serviços especializados para empresas já é uma rotina de relacionamento com o mercado, porém, considerando o cenário atual, em que

Vacinas no Brasil: Oxford/AstraZeneca disponível ainda neste ano e chinesa (Sinovac) inicia testes dia 20

A vacina contra o Covid-19, desenvolvida pela Universidade de Oxford, na Inglaterra, com testes no Brasil, poderá ficar disponível à população ainda este ano. A afirmação foi feita por Maria Augusta Bernardini, diretora-médica do grupo farmacêutico AstraZeneca. O grupo anglo-sueco participa das pesquisas da universidade inglesa em parceria com Universidade Federal de São Paulo (Unifesp).