Gestão e Qualidade, Tecnologia e Inovação | 24 de março de 2021

Unimed Concórdia e Construtora Tedesco priorizam o Meio Ambiente e o Desenvolvimento Regional em projeto de novo Hospital

 A obra tem previsão de entrega para 2022
Unimed Concórdia e Construtora Tedesco priorizam o Meio Ambiente e o Desenvolvimento Regional em projeto do novo Hospital

A Unimed em Concórdia (SC) deve inaugurar o seu hospital próprio em 2022. Além de ser altamente tecnológico e moderno, o projeto deverá impressionar a comunidade, pois está sendo inteiramente integrado ao seu entorno. A estrutura idealizada para o atendimento de clientes de toda a Região do Alto Uruguai Catarinense está sendo edificada com total atenção ao Meio Ambiente e com uso de mão de obra local.

Para a construção do empreendimento, a Unimed escolheu a Construtora Tedesco (Grupo HTB), empresa referência nacional em grandes projetos para o setor da saúde. Com o objetivo de conhecer os diferenciais do projeto, o Portal Setor Saúde conversou com o Presidente da Unimed em Concórdia, Dr. Marcelo Rodrigues, e com o gestor Responsável pela obra, Pedro Peres (da Tedesco).

A Importância do novo Hospital

Conforme a Unimed em Concórdia, o Hospital foi idealizado com base em dois pilares da cooperativa: gerar trabalho médico para o seu cooperado e promover assistência em saúde para a comunidade. Segundo o presidente, esse é o grande objetivo da construção deste sonho para a Unimed. “O atendimento terá como foco principal o paciente, com automação na maior parte do seu parque hospitalar, reduzindo de forma significativa a operação do atendimento da enfermagem com atividades não relacionadas diretamente com o paciente. Entre as novidades estão: a prestação de serviços (não apenas para os usuários da Unimed, e sim para todos os convênios que firmarem o contrato com o Hospital da Unimed Concórdia)”, explica Rodrigues.

O Hospital terá grande importância para os planos de crescimento estipulados pela operadora catarinense. “A execução do estudo de viabilidade demonstra um crescimento em torno 30% ao ano nos próximos cinco (5) anos”. Para Rodrigues, “esse crescimento desafiador não seria possível sem o novo Hospital.” Concórdia será o sétimo município do Estado a contar com um Hospital da Unimed em Santa Catarina.

Respeito ao Meio Ambiente e a construção de um Legado para a Região

A Construtora Tedesco entende que uma obra deste segmento vai muito além da técnica e do negócio. “Estamos tratando aqui de um investimento voltado para vida, saúde e sociedade. Nossa visão de responsabilidade transpõe os limites do canteiro e, juntamente com a Unimed, trabalhamos desde o início da Obra com o objetivo de integrar a comunidade ao projeto. Neste sentido a Tedesco prioriza a contratação de mão de obra local e tem um interesse especial em ofertar oportunidades em cargos técnicos e administrativos com intuito de compartilhar nossos conhecimentos na área de gestão, técnica, qualidade, segurança e meio ambiente, deixando assim um pequeno legado dentro deste processo”, declara o gestor Responsável pela obra, Pedro Peres (Construtora Tedesco).

Artes_Tedesco_Concordia_Plano_Diretor

O presidente da Unimed, Dr. Marcelo Rodrigues enfatiza que desde o início do planejamento da obra, a política de respeito ao Meio Ambiente foi adotada. “Assim como a preocupação em relação ao legado deixado para a economia e para o desenvolvimento da Região, com o treinamento e o uso de mão de obra de trabalhadores da cidade e de localidades ao redor”, explica.

Peres reforça que esse é um compromisso assumido pela empresa. “A particularidade do processo está justamente na nossa capacidade de administrar as diferentes demandas, nuances e características de cada Projeto e ter a agilidade de compreender o cenário para atuar de forma precisa no que é valor para nossos Clientes. Aqui na Unimed Concórdia não foi diferente. A Tedesco utilizou toda sua expertise para encarar o desafio de executar uma obra deste porte em uma região afastada dos grandes centros. A análise crítica de riscos nos proporcionou a identificação dos maiores vetores de dificuldades e nos permitiu atuar de forma precisa para minimizar os impactos”, pontua.

“A política adotada desde o começo foi de respeito total ao Meio Ambiente. Não iniciamos qualquer movimentação de terreno e obra, sem a devida autorização dos órgãos ambientais. O uso preferencial de mão de obra local foi uma das premissas da Unimed Concórdia na contratação da Construtora”, detalha Rodrigues.

Segundo o presidente da Unimed em Concórdia, estas condições foram acordadas e aceitas plenamente pela Construtora Tedesco, levando a uma melhora significativa na capacitação dos fornecedores locais. “A importância do cuidado com o meio ambiente e no uso de mão de obra local é o legado deixado pela Construtora Tedesco para as empresas locais, até então desconhecedoras dos processos internos de uma construtora com o porte da Tedesco”, explica Rodrigues.

Expertise

A expertise da Tedesco foi ressaltada por Rodrigues, que cita como diferenciais a trajetória da Construtora em obras hospitalares de grande porte, o modelo de gestão adotado na execução da obra, o cumprimento de prazos [conforme o cronograma inicial], e um canteiro de obras inteiramente aberto para questionamentos e visitas técnicas.

“A Construtora Tedesco tem sido uma parceira leal e inovadora para a Unimed Concórdia e com certeza será uma referência dentro do sistema Unimed catarinense com prospecção de um futuro promissor. ”

Ele cita ainda atividades periódicas voltadas a identificar e analisar oportunidades para redução de custos; assim com sugestões de alterações de projetos visando melhores soluções para garantir a manutenção adequada e menos custosa dos equipamentos a serem utilizados pelo Hospital.

Pedro_Peres_Tedesco

Peres detalhou o conceito de Lean Construction, modelo adotado pela construtora que contribui para a diminuição de custos. “Uma das regras básicas do Lean Construction é a redução do desperdício. E desperdício não está simplesmente atrelado a materiais. O tempo é um bem precioso neste tipo de negócio. Entendendo esta lógica, buscamos sempre otimizar o processo e evitar ao máximo a circulação e movimentação de carga dentro do projeto. O planejamento da obra, que contempla a ordenação do canteiro de obras, plano de ataque e o plano logístico, nos permitiu a estratégia de conseguir aproveitar dentro do próprio empreendimento grandes volumes de material oriundos da movimentação de terra. É claro que a topografia do terreno e o próprio projeto arquitetônico influenciaram nesta oportunidade. Mas o grande ganho desta manobra está justamente na otimização de recursos, no cuidado com o meio ambiente e na eliminação de circulação externa, assim como na extinção do risco de impacto em outras áreas fora dos limites da obra”, detalha Peres.

Eficiência e Inovação: Checklist Fácil e QR Code

Peres explica que a eficiência operacional é um diferencial reconhecido pelos clientes da construtora. A inovação e o uso de ferramentas que agilizam a tomada de decisão têm papel fundamental para esta percepção, segundo o gestor responsável pela obra. Duas delas se destacam: o Checklist Fácil e o uso de QR Code.

“As duas ferramentas foram implantadas em nossas obras com o objetivo de agilizar o acesso, a divulgação e a tomada de decisão. Como já comentamos anteriormente, o tempo é um bem precioso, e na medida que conseguimos colocar literalmente na mão de nosso time a informação, nós conseguimos trabalhar de forma mais ágil e precisa, dando assim toda a condição do Gestor tomar suas decisões com segurança. O Checklist Fácil impulsiona, de maneira tecnológica, as atividades rotineiras, garantindo melhor eficiência operacional e estratégica. Já o QR Code permite que o time de campo tenha acesso aos projetos atualizados distribuídos em tempo real através de etiquetas QR Code na obra. Isso sem dúvida nos elevou a um grau de confiabilidade da informação e ainda proporcionou que os esclarecimentos e debates técnicos sobre determinados assuntos pudessem ser resolvidos imediatamente no local, sem a necessidade de deslocamentos”, analisa Peres.

“Em constante processo de aprimoramento e inovação”

Conforme Peres, após um longo período de estagnação, o segmento hospitalar vive hoje um momento de dinamismo, o que exige da Tedesco investimentos contínuos em aprimoramento e inovação. “A construtora entendeu a dinâmica do segmento hospitalar que passou por um longo período de estagnação em suas instalações e encontra-se hoje em pleno processo de modernização e dinamismo. Dentro deste contexto, e com objetivos claros de se inserir com excelência neste segmento, a Tedesco buscou e investiu nas melhores práticas e inovações tecnológicas para suprir as necessidades de nossos clientes. Além disso, a construtora está em constante processo de aprimoramento e inovação pois acredita que a saúde passará a ter cada vez mais importância na vida das pessoas. Apostamos na atualização de nosso time e na formação de novos profissionais. Precisamos estar preparados para executar instalações modernas para suportar as novas tecnologias”, diz Peres.

O gestor da Tedesco finaliza lembrando a origem alemã da Construtora, o que garante alinhamento com os processos e diretrizes do Grupo internacional. “ [Atuamos] sempre preservando os princípios de Compliance, bem como adotando as novas tecnologias em termos de construção e gestão. ” 

Artes_Tedesco_Concordia_Final

 

VEJA TAMBÉM